TRATAMENTO de LAMAS

O aumento da produção de lamas está a criar um problema ambiental cada vez maior.

O destino final das lamas produzidas nas várias etapas do tratamento das águas residuais é uma preocupação que tem vindo a aumentar para as entidades gestoras, em grande parte devido à restrição cada vez maior de descargas (volume + seca) e à viabilidade de estabilização e de saneamento (agrícola ou industrial).

No tratamento das lamas é necessário trabalhar em sentidos diferentes: deverá ser possível reduzir o volume e obter uma lama neutra de melhor qualidade.  

O factor económico é um aspecto a considerar nas soluções propostas: quanto maior o volume de lamas, maior o custo do tratamento. A possibilidade de se produzir biogás valorizável é um elemento a ter em conta no âmbito das necessidades energéticas e ambientais de uma estação de tratamento.


Soluções de valorização com resultados melhores e mais seguros

Quanto aos biosólidos, a Degrémont posicionou-se com um objetivo claro: inovar na qualidade e nos sistemas de tratamento, independentemente do destino final das lamas produzidas, tendo sempre como objetivo a valorização, tanto agrícola como energética, dos biosólidos das estações de tratamento de água e a preservação do ambiente.


O tratamento de lamas pode incluir várias etapas de tratamento com diferentes tecnologias

- Espessamento,
- Desidratação,
- Tratamentos complementares,
- Destruição.

Conheça algumas das nossas referências em tratamento de lamas: tratamento de lamas de ETAR e tratamento de lamas de ETA

 

TRATAMENTO DE LAMAS

Tratamiento de fangos

Possíveis destinos das lamas:

- descarga em aterros
(objetivo de eliminação de lamas)
- incineração (objetivo de eliminação e de recuperação energética, dependendo do projeto)
- aplicação agrícola (objetivo de recuperação)

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA: DEHYDRIS TWIST

foto 2  - dehydris twist 1

Dehydris™ Twist: desidratação avançada por meio de prensa pistão